GNR

A Guarda Nacional Republicana realizou a Cerimónia do Juramento de Bandeira dos formandos do 45.º Curso de Formação de Guardas que ainda não o tivessem efetuado nas Forças Armadas, ontem, dia 8 de outubro, pelas 10h30, no Centro de Formação da Figueira da Foz. A cerimónia foi presidida pelo Comandante-Geral da Guarda Nacional Republicana, Tenente-general Rui Clero.

O juramento de bandeira representa o compromisso solene dos Guardas-provisórios para com a Pátria, constituindo uma data muito importante na vida de qualquer militar. Trata-se de uma cerimónia em que os militares se comprometem a cumprir a Constituição, as demais leis da República, bem como todo os deveres militares, ao serviço da Guarda Nacional Republicana, jurando defender a Pátria, mesmo com o sacrifício da própria vida.

Dos 285 Guardas-provisórios que estão a frequentar o curso, 157 (139 homens e 18 mulheres) realizaram o seu juramento em cerimónia pública, perante o Estandarte Nacional.