Festa Ovar
Foto: Ovar

Ovar em Festa!

Os Sons da Lusofonia estão de regresso ao Parque Urbano de Ovar já no próximo sábado, 9 de julho. O FESTA começa a aquecer no centro da Cidade de Ovar, pelas 11 horas, com animação deambulante para todos os públicos a passar pelo Mercado e Estação. A partir das 15 horas, todos os caminhos vão dar ao Parque Urbano, com jogos e animação para famílias, a apresentação da performance da comunidade “Plastic Funk” e os 6 concertos nos 3 palcos – Rio, Verde e Festa. Dino D´Santiago, acompanhado pela Orquestra Filarmonia das Beiras, sobe ao Palco Festa pelas 21h30.

O FESTA não é um festival, nem um alinhamento de concertos, é muito mais. É a celebração da alegria, da cultura plural, da tolerância, da paz e da vida. A música ocupa lugar de destaque, mas há outras manifestações artísticas, motivo de encontro e convívio. Para miúdos e graúdos, há uma zona especial de entretenimento e jogos para famílias, com a companhia espanhola “Ángeles de Trapo” a dinamizar atividades e jogos artesanais em madeira, entre as 16 e as 19 horas.

Com as temperaturas a subirem para sábado, são muitas as razões para se juntar a esta FESTA, de entrada livre, e de sons quentes vindos de Portugal, Brasil e Cabo-Verde, pela voz de artistas de diferentes expressões e estilos, num encontro multicultural, onde a Lusofonia se assume como marca identitária do evento.

O ambiente natural, a paisagem, a água e a envolvência convidam a passar o dia inteiro pelo Parque e a ficar para celebrar a música que chega através de vozes, orquestras, percussão, baterias, guitarras e teclados, num encontro da Língua Portuguesa nas suas variantes. Os três palcos estão já a ser montados no Parque Urbano de Ovar, zona verde do centro da Cidade, para receber os músicos e compositores de 3 países e continentes.

Dino D´Santiago e Orquestra Filarmonia das Beiras, Jéssica Pina, Leo Middea, Projeto Ferver, Fogo-Fogo, Criatura com Coro dos Anjos e o dj Set Baile Atlântico já deixaram o seu convite ao público para se juntar ao FESTA’22.

Os concertos têm início marcado para as 16 horas, com Jéssica Pina, compositora, instrumentista e cantora, que acompanhou Madonna na digressão “Madame X World Tour”, a abrir o Palco Rio. Seguem-se os sons vibrantes vindos de Portugal e do Brasil com o Projeto FERVER, que promete aquecer o público e pô-lo a dançar, pelas 17 horas, no Palco Verde.

De volta ao Palco Rio, pelas 18 horas, Leo Middea traz um pouco do Brasil a Portugal, onde vive e editou dois dos seus quatro álbuns. Fogo-Fogo, habituados aos palcos do FESTA, vão fazer vibrar o Palco Verde, pelas 19 horas.

Após o jantar, no Palco Festa, pelas 21h30, Dino D´Santiago apresenta um espetáculo caloroso, onde os padrões rítmicos de Cabo Verde se fundem com a eletrónica, em temas como “Kriolu”, “Mundo Nobu”, “Brava” ou “Kem Ki Falu”, acompanhado pela Orquestra Filarmonia das Beiras, dirigida pelo Maestro António Vassalo Lourenço, com arranjos de João Martins.

No mesmo local, pelas 23 horas, as pulsações contagiantes prosseguem com Criatura e o Coro dos Anjos, um eclético bando de músicos a trazer instrumentos como guitarra portuguesa, guitarra elétrica, bandolim, cavaquinho, piano, bateria, entre outros, numa verdadeira criação sonora. A fechar a noite, a partir das 00h30, o dj Set Baile Atlântico, composto pelo duo Marco Paulo, no Palco Rio.

Consulte a programação em FESTA’22 ou através de facebook.com/ovarfesta ou instagram.com/ovarfesta.

Deixe um comentário

Deixe uma resposta Cancelar resposta